Dia: 17 de Out

A democracia que nos deixaram. Por estes dias anda tudo a falar na "Democracia que nos deixaram", segundo, Fernando Santos

A democracia que nos deixaram.
Por estes dias anda tudo a falar na "Democracia que nos deixaram"

E realmente até parece que nos deixaram uma democracia.

Toda a gente diz que podemos falar e isso foi graças à "democracia que nos deixaram".
A "Democracia que nos deixaram é extraordinária", até Ricardo Salgado a elogia.

Acredito que sim.

A democracia que nos deixaram assenta no golpe, na treta, no favor, na corrupção, na necessidade do povo continuar a meter dinheiro em bancos para que seja roubado por aqueles que adoram a democracia que nos deixaram e que sempre deu fortunas para os partidos que governam a democracia que nos deixaram.

Uma democracia falsa, que apenas deixa falar quem não deve.

Pois quem fala tem aquilo que as democracias não deviam ter.

Represálias.

Mas o povo parvo imbuído do espírito democrático aferido pelos media que estão na mão dos maiores devedores à Caixa etc., e que elogiam a democracia que nos deixaram pois foram eles os maiores beneficiados.

Só uma democracia como a que nos deixaram, faz de gente desta, grandes homens, é a bitola de comparação que temos, e sempre, como povo, tivemos como grandes homens por vezes grandes bandidos.

Foi a democracia que nos deixaram, e dizem, graças a esta democracia podemos falar.

É verdade, mas os que falam e "podem falar" são os maiores culpados e usufrutuários desta "Democracia que nos deixaram".
Boa semana, e trabalhem muito pois o antigo administrador da Caixa teve que se ir embora porque ia por em causa a "Democracia que nos deixaram".

Assim arranjaram um que vai manter essa democracia que nos deixaram, continuando a financiar os democratas que se alimentam da "Democracia que nos deixaram".

Agradecem estas democracias que nos deixaram, Ricardo Salgado, José Sócrates, Carlos Santos Silva, Joe Berardo, o Grupo Lena, Vale do Lobo. E a maltinha em carreiro vai andar três dias a idolatrar, o pai da democracia que nos deixaram.

Que descanse em paz esta democracia que nos deixaram.

Por: Fernando Santos

 https://www.facebook.com/fernando.santos.1000469?fref=ts

E em jeito de rodapé e por “pura coincidência”, a minha:

Despedida dos hipócritas

Hoje, alguém do mundo partiu,
não deu nada de pessoal a ninguém

Comeu, bebeu, puta que o pariu

Ele ficou rico e o povo sem vintém
Não é o mesmo político distinto,
qualquer semelhança é pura coincidência
Este era um gajo que só bebia vinho tinto,
que roubava e vigarizava com evidência
Viveu à grande e à francesa
sempre à conta de admiradores
Amado por mulher, grande princesa,
e, rodeado de bandos de abusadores
que, com ele, venderam mundos e fundos,
deixando milhares de incautos enganados,
mas, protegido por amigos jucundos
que enriqueceram com crimes abafados
E, lá vai ele, feito herói do povo
a caminho da última e rica morada
numa homenagem nada de novo
a coberto de mais uma lei apalavrada

Paz à tua alma sem Deus
desejam amigos que foram teus

João Pina
9.01.2017



Modificado emsegunda, 09 janeiro 2017 12:47

Deixe um comentário

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

voltar ao topo
×

Sign up to keep in touch!

Be the first to hear about special offers and exclusive deals from TechNews and our partners.

Check out our Privacy Policy & Terms of use
You can unsubscribe from email list at any time