Dia: 21 de outubro

Crónicas de “Escárnio e maldizer” By Fanan

Orçamento de Estado para 2018. Jerónimo de Sousa está a ficar muito zangado com António Costa, que terá dito a Jerónimo que a AutoEuropa era inegociável.

Jerónimo de Sousa queria usar a fábrica para fazer a festa do Avante de inverno, e esta situação está a por em causa a aprovação do orçamento de Estado para 2018.

António Costa já disse que falava com o genro de Cavaco Silva para emprestar o Pavilhão Atlântico a custo zero e sem Iva, mas Jerónimo de Sousa já disse que a Festa do Avante só pode ser na Margem Sul.

Costa que tem que aprovar o orçamento para poder continuar a viver em Sintra num Loteamento sem passeios, depois de ter deixado o dúplex do sótão em Lisboa, já pediu a Mário Centeno para falar com o ministro das finanças Alemão que lhe chama Ronaldo, (se calhar por conseguir enganar o fisco europeu), para financiar um pavilhão gigante na Costa da Caparica para a realização do evento.

Jerónimo não está convencido e diz que só vai levar o assunto ao Comité Central , se a CGTP for isenta de IVA nos panfletos que vai ter de fazer para a quantidade de greves programadas, agora que o trabalho está mais difícil , pois mesmo sem sindicatos ou com sindicatos de direita , já qualquer um faz greve, e alguns até são especialistas, o que é uma descriminação que roça a fronteira da xenofobia.

Outra condição seria que Arménio Carlos tivesse um gabinete igual ao do Francisco Louçã no Banco de Portugal e que ele deixasse de falar bem do António Chora, um reaccionário vendido ao capitalismo que não conseguiu em 20 anos fazer uma única greve na Auto Europa..

Costa anda aflito e diz que a culpa é do Passos Coelho que não quer um consenso para as grandes obras públicas onde se incluiria este mega pavilhão, de interesse Nacional, mesmo que Costa tivesse dito que ia fazer um concerto de angariação de fundos e uma campanha de telefonemas como em Pedrogão, mas sem IVA.

Desta vez para que o dinheiro não desaparecesse o fundo criado ficaria ao cuidado do João Galamba.

Catarina Martins já disse que não se importa. e que o Pavilhão Atlântico serve bem para o acampamento de Inverno do Bloco, pois como tem aquecimento dá para poderem andar nus de gatas uns atrás dos outros sem se constiparem.

Espera-se pois uma negociação difícil, mas o By Fanan já recrutou alguns dos jornalistas que andaram a fazer as férias dos pivôs de referência, alguns deles sem dentes, para acompanhar á hora este assunto.

Numa próxima edição daremos mais desenvolvimentos, certos no entanto que poderemos ser ultrapassados pelo Correio da Manhã ou mesmo pelo Inimigo Público mas a concorrência é sempre salutar.

Bom dia de trabalho, se não tiverem direito a RSI.

Dia 13 de setembro 2017

Emitimos dívida a 30, 40 ou 50 anos

António Costa aparece na televisão inebriado pelas estatísticas que mostram o aumento de candidatos ao ensino superior.
Costa apresenta-se na televisão com o ego quase tão inchado "estatisticamente", que só poderá ser equiparado ao brilho dos olhos de Catarina Martins no dia em que assinou o acordo para a implementação da geringonça. 
Ao que parece, e a fazer fé nos números, muitos mais alunos se inscreveram no ensino superior.

Mais uma grande vitória de António Costa, só equiparada à grande revelação estatística de Junho deste ano, 6 meses depois de Costa tomar posse, e que revelava que tinham aumentado substancialmente, o número de nascimentos.

Bebés são bebés, e mesmo que sejam prematuras, são? Bebés, e os bebés são a principal razão das estatísticas.

E são as estatísticas a principal razão das decisões governativas.

Nem precisamos de ser criativos, as estatísticas resolvem o problema, animam os discursos e ganham eleições. 
Esta última grande vitória de Costa assenta no facto de que há sérias indicações de que vai haver emprego … no Estado, pois cá fora vai continuar a haver ... trabalho.
Depois a lei que foi aprovada que diz que a maioridade passa dos 18 para os 25 anos vai obrigar os pais quer queiram quer não queiram a voluntariamente subsidiar os filhos até essa idade.

Podem estudar à vontade. Os desgraçados que se divorciarem, vão ter de arranjar mais empregos.

Os votos na geringonça assim os obrigam.
A esperança volta assim a Portugal, pela mão de António Costa. 
Costa é um visionário, e percebe de leis, sabe que a sua credibilidade e da geringonça assenta no ... défice abaixo dos 2,5 %. Costa vai conseguir.
Mas para a divida não há limite, e Costa sabe disso, vamos aumentando a divida, que esses bebés prematuros… hão-de pagar. Emitimos dívida a 30, 40 ou 50 anos.

Não há problema. 
Costa, como muitos do dirigentes mundiais sabem que vai haver uma grande guerra, e decerto um novo plano Marchal, quem sabe subsidiado pelos chineses que creceram com o trabalho.

Logo a dívida vai ser reestruturada, perdoada, etc.
A malta da direita não compreende isto. E eu que ando sempre a criticar o Paulo Querido, vou ter de lhe pedir desculpa.
O défice vai ser cumprido por acção das “Cativações", que, usando uma palavra muito em voga nos "cothings", "procrastinação" é deixar para depois de amanhã o que podes pagar hoje.
Claro que Costa não fez a geringonça com Catarina Martins em Vão.

Catarina tem excelentes ideias para cumprir o défice, mesmo que se oponha à Europa. A ideia de acabar com os comandos é uma delas.
Tenham esperança, a divida aumenta, mas não vai ser um problema, os bebés prematuros nascidos no tempo da geringonça vão pagá-la. Hoje há alguns que já tem quase 9 meses.

Abraços
By Fanan

11 de Setembro do Ano da Graça de 2017.

1000 Viagens para as Caraíbas

A SIC Radical está a oferecer 1000 viagens para as Caraíbas na época dos furacões. Ligue 760 666 666.

Caso não se cruze com nenhum furacão a SIC Radical devolverá o dinheiro do Iva da chamada com a autorização do Jerónimo de Sousa ao abrigo da excepção da Festa do Avante..
Passe umas férias inesquecíveis longe dos incêndios e da Protecção Civil Portuguesa, e com sorte se não for para Cuba, longe de ouvir a voz da Catarina Martins ou mesmo do João Galamba.

Divirta-se.

Lá como cá os furacões também são avisados quando começa a época. Bom dia.

O país vai de mal a pior.

Vejam bem que foram marcar as eleições autárquicas para o dia em que jogam os 3 grandes. 
Qualquer dia marcam as presidenciais para o dia da final da Taça.

Acho que isto tem a ver com o SIRESP.

Ou então é porque o Real Massamá está na fase de grupos da Taça da Liga. Sim deve ter mesmo ê a ver com Massamá.

Como é que podia ter a ver com outra coisa?

11 de setembro de 2017

É isto que nos espera.

O deputado do Bloco de Esquerda tomou o palanque da Assembleia da República pago por todos nós e como bom apoiante do Governo manifestou o seu inequívoco apoio à independência da Catalunha.

Penso que caso aconteça será a Catalunha o primeiro país islâmico verdadeiramente europeu.

É isto que nos espera.

Acho que está na altura de fazermos o referendo para independência de Portugal do Bloco de Esquerda.

O nosso querido primeiro-ministro diz que na Auto Europa não pode interferir pois esse papel cabe trabalhadores.

Em contrapartida está a interferir na PT pois se calhar a PT não têm o mesmo tipo de trabalhadores. Acredito que seja um problema de gênero.

As empresas fornecedoras do Serviço Nacional de Saúde a quem o Estado deve pelo menos 300 milhões de Euros estão a despedir e a deslocalizar as suas empresas. Claro que esta noticia não foi muito divulgada.

Poderia por em causa a descida do desemprego.

Aqui na realidade não há quem queira trabalhar pois o novo regime de pagamento de subsídio de desemprego garante o suficiente para a malta nova que devia fazer parte da população activa possa aproveitar as alterações climáticas que têm prolongado o verão sem faltar o dinheiro para as minis.

As dívidas do Estado aos bombeiros põem em risco até o pagamento de ordenados normalmente mínimos.

O défice acima de tudo.

Percebe-se assim que haja folga orçamental de cerca de 600 milhões euros que os partidos que apoiam a geringonça querem oferecer ao sindicato chefiado por Mário Nogueira que já disse que professor não é só para dar aulas e que há 30 000 professores para entrar quadros do Estado.

Mesmo com horários zero.

A atribuição de Vistos gold que já trouxeram a Portugal milhares de milhões de euros está com grandes atrasos porque o Mário Nogueira não é o secretário-geral sindicato do SEF que precisa de gente para trabalhar.

Os investidores estrangeiros que também não aparecem na SIC do Irmão do nosso querido primeiro-ministro manifestam-se apreensivos em investir em Portugal.

Em contrapartida o INE diz que a confiança dos consumidores nunca esteve tão alta.

O investimento aumentou 10%.

Deste valor 60% foi devido à compra de automóveis. Ângela Merckl está muito contente pois estratégia de apoio à indústria automóvel está a dar frutos.

Assim percebemos que se não houvessem uns fascistas a estragar as previsões já estaríamos a crescer 10%.

7 de setembro de 2017

https://www.facebook.com/fernando.santos.1000469

Modificado emquarta, 13 setembro 2017 09:13
voltar ao topo
×

Sign up to keep in touch!

Be the first to hear about special offers and exclusive deals from TechNews and our partners.

Check out our Privacy Policy & Terms of use
You can unsubscribe from email list at any time