Dia: 21 de Jul
  • Zen Online

Monchique contada e cantada d’acordes floridos quais jardins pelas ruas das camélias apaixonadas pelo Algarve

Embora, não se possa falar em longevidade no que toca ao Festival das Camélias, pois o festival vai para a sua 4ª edição pode-se, no entanto, falar na construção e criação de histórias que irão prevalecer por longos anos.

Sendo a Camélia um ícone natural, cultural e patrimonial do concelho não fazia sentido que não existisse um momento em sua homenagem e contemplação. Após 4 anos, existe a certeza e a convicção que Monchique é já uma referência e que reúne em si a distinção de “Jardim do Algarve” e o festival foi e é (mais) um impulsionador deste atributo.

Temos a certeza que apaixonámos todos os visitantes, participantes e coleccionadores e é com base nesta premissa que arrancamos para esta 4ª edição. 
O ano passado a camélia reuniu as artes e os ofícios. Tivemos performances itinerantes. Tivemos teatro circo. Tivemos apresentações de livros. Concertos. Exposições. E acima de tudo tivemos a satisfação de quem organizou e a contemplação prazerosa de quem nos visitou.
Este ano vamos centrar toda a programação nas artes performativas.
Vamos ter animação circulante constante.
Vamos ter um concerto que junta piano, guitarra, contrabaixo e harpa todos combinados num único instrumento. O Chapman Stick.
Vamos ter poesia à solta.
Vamos ter performances e teatros.
Vamos manter, claro está, a exposição de camélias, a mostra de artesanato e doçaria e as duas rúbricas criadas no ano passado: “Ilustra-te” e “Festival Comvida”.

A primeira lança um convite a um artista para criar ilustrações do festival, onde a camélia está sempre presente. A segunda rúbrica pretende trazer ao festival o trabalho in loco de artistas, através da criação de peças originais para o Festival das Camélias.
Vamos manter a Rota das Camélias, este ano em versão peddy paper com um final muito peculiar e particular!

Acompanhe-nos nesta viagem! Junte-se a nós nos dias 24 e 25 de março e contribua para mais uma história de sucesso.

Discreto e cheio de vida, este festival promete captar a sua atenção e interesse, este ano no edifício do antigo Casino das Caldas de Monchique, assim como no espaço envolvente. A beleza do local e a particularidade dos cenários naturais e bucólicos deste estabelecimento termal irão contribuir para que este festival ganhe, ainda mais, destaque.

Quem ainda não nos visitou, em edições anteriores, lançamos um desafio: parta à descoberta com disponibilidade para a surpresa e para o encantamento. Prometemos o empenho na construção e criação de histórias que irão prevalecer por longos anos, na memória de todos aqueles que decidirem deixar-se apaixonar pela beleza desta maravilhosa flor que facilmente nos transporta para o mundo maravilhoso da cor, da alegria e do romance.

Deixe um comentário

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

voltar ao topo
×

Sign up to keep in touch!

Be the first to hear about special offers and exclusive deals from TechNews and our partners.

Check out our Privacy Policy & Terms of use
You can unsubscribe from email list at any time