Dia: 19 de janeiro

Itens filtrados por data: sexta, 12 janeiro 2018

“Assédio sexual politicamente correcto…. Ou talvez não”, na opinião de Fernando Santos

(…) “Pela razão que os homens gostam de mulheres que se sentem mulheres. Os homens heterossexuais praticantes que como se sabe é uma raça em vias de extinção e que desde que Trump chegou á presidência se tornaram proscritos (…)”.

Por Fernando Santos

O Politicamente correcto, traça o caminho da extinção do livre pensamento.

A tendência que alguns livres-pensadores poderemos ainda ter, a caminho do “desencarneiramento”, fará de nós proscritos às mãos daqueles que sempre se auguraram de defensores dos direitos das minorias.

Hoje, os livres-pensadores estão largamente em minoria.

Alguns até são heterossexuais praticantes.

Estando a esquerda a chegar perto do poder e nada mais ter para combater, fará decerto o caminho inverso em prol da sobrevivência, uma vez que os livres-pensadores decerto vão dar um trabalho do caraças.

Pelo menos os heterossexuais praticantes.

A estupidez absoluta da miséria intelectual propagandeada pelos servidores do sistema, em prol do "encurralamento", por tudo o que é distribuidor de informação, dita assim as regras para o futuro.

Desta forma descobriu-se que o assédio sexual existiu há muitos anos por parte de homens poderosos do cinema “contra” as lindas aspirantes a actrizes que eram mulheres (e eram muitas), que até pareciam mulheres e se sentiam como mulheres e por isso podiam ser assediadas pela razão mais simples do mundo.

Pela razão que os homens gostam de mulheres que se sentem mulheres.

Os homens heterossexuais praticantes que como se sabe é uma raça em vias de extinção e que desde que Trump chegou á presidência se tornaram proscritos.

Como se verá mais adiante com a idade, estas mulheres assediadas, começaram a deixar de gostar de ser mulheres que se parecem com mulheres e assim já podem dizer que quando se pareciam com mulheres e se sentiam como mulheres foram assediadas, o que já não acontece pois por terem sido assediadas já são ricas e agora já nem estão em condições de ser assediadas, e por isso começaram a revelar a verdade. Ou talvez não….

Começaram decerto a revelar que já não se sentem assediadas, e muitas delas de forma visível começaram a assediar mulheres, (a ver pelos "casais" que desfilaram nos Globos de Ouro) mas isso só se vai saber daqui a uns anos quando as mulheres assediadas por essas mulheres também já forem ricas por terem sido assediadas por mulheres ricas, quando ainda não eram ricas, e eram simplesmente “assediadas”.

Mas nessa altura politicamente correcta, não se chamará assédio sexual mas sim qualquer coisa do género “ - fui assim a modos que “piropada” ligeiramente pois tinha usado um batom tipo cereja que até tinha brilhantes, por uma actriz de cabelo muito curto e assim já fora de prazo!

Claro que nessa altura o politicamente correcto já nem permitirá que um homem case com uma mulher que se pareça com uma mulher e pense como uma mulher, e os bebés serão todos proveta e adoptados por casais do mesmo sexo ou eventualmente casados ou em união de facto, com cães, gatos ou periquitos, que nessa altura até já poderão votar e farão do PAN um adversários de respeito do Bloco de Esquerda que será, pelo menos em Portugal, governo.

Esses seres com os quais se poderá casar, (e quem sabe algum cientista desses que acha que o aquecimento global é verdade mesmo que se tenha passado a chamar alterações climáticas, e que tenha sido despedido, (o cientista) pois nem mesmo Al Gore que deve ter sido o gajo que mais massa ganhou com isso acredita, possa declarar que também são humanos,) pois por lei. já não são coisas ( os cães , os gatos e os periquitos) e que como se sabe já podem ir ao restaurante o que facilitará muito o flirt e o namoro feito de amor á primeira lambedela, e quem sabe até será proibido as mesas com pé ao meio por as dificultarem. As lambedelas, claro.

Esta é pois uma história de ficção hoje mas que poderá ser realidade ainda antes do fecho da próxima legislatura vendo o ritmo a que se está a propagar esta febre legislativa do politicamente correcto, só possível de ser evitada caso Trump venha a ser reeleito e quem sabe derrotando Oprah que andava aos beijos a assediar o assediador mor do cinema mas que agora como também já é rica já pode combater o assédio e mesmo assediar quem muito bem lhe apetece.

È pois este tipo de politicamente correcto com vista á ascensão ao curral, que está a contaminar a internet e até os Órgãos de Comunicação Social “normais” agora abastecidos pela Lusa com um novo administrador que não usa gravata mas que tem um laço, e que era subalterno do irmão do primeiro-ministro na Impresa, do Rei, " Balsemão de Bilderberg."

Penso que rapidamente terá que ser liberalizada a Canábis para consumo livre e mesmo fumada, pois a que anda a circular no Parlamento e que também é consumida pelos “branqueadores de serviço nas redes sociais, anda completamente adulterada e permitiria ter uma ASAE dedicada, e quem sabe um regulador que se poderia chamar “ERVA” Entidade Reguladora da Veracidade da Almareação, que certificaria com testes diários a "ganza" dos deputados e assim permitir que existiria finalmente nesta "Democracia que nos deixaram”, leis a sério, em vez de “vómitos legislativos” politicamente correctos e com vista á grande ascensão ao curral daqueles que são os responsáveis por lá por os deputados. Os eleitores.
Prevê-se pois um futuro muito “risonho” assente nem que não seja numa Erva de muito maior qualidade daquela que até agora nos tem servido de base legislativa.

Foi pois baseado neste livre pensamento que, decerto tentarão extinguir assim que possível, que me debrucei, podendo mesmo ser acusado de assédio sexual, por “debruce” mental.

Daqui uma palavra de apreço a Cathrine Deneuve, que continua a ser uma mulher que se sente mulher, pensa como uma mulher e como os livres-pensadores está em vias de extinção, pois muitas delas que gostariam de se parecer com mulheres não se apercebem que sem querer se encontram a defender causas, que de causas não têm nada que não seja... Consequências desastrosas que levarão á completa extinção das mulheres que se parecem com mulheres e por isso são interessantes para sediar, claro que sem violência, pois essas mulheres são tomadas pelas outras por fraquinhas. Lindas, mas fraquinhas.

Venha pois a legalização da legalização da canábis pois será a meu ver a única medida politicamente correcta necessária e imprescindível a por em ordem esta verdadeira bandalheira.

By Fanan

Ler mais ...

Turismo do Algarve apela ao Governo para que “resolva de imediato” o estado dos serviços de saúde na região.

Em carta enviada ao ministro da Saúde, o presidente da Região de Turismo do Algarve (RTA), Desidério Silva, apelou para que sejam tomadas medidas urgentes “para que os hospitais e serviços de saúde sejam dotados dos meios técnicos e humanos necessários”, para responderem de forma adequada aos utentes.

Para Desidério Silva, a deficiente qualidade dos serviços hospitalares e de saúde da região, “para além de lamentáveis, provocam em residentes e turistas desconfianças e receios quanto à capacidade de resposta dos mesmos, quando as pessoas precisam de aceder de urgência a esses serviços”.

“Está a pôr-se em causa o destino e a mais importante região turística, cujas receitas contribuem substancialmente para a riqueza do país”, frisou Desidério Silva, alertando para o facto de os problemas na saúde “verificarem-se numa altura em que os mercados concorrentes estão a recuperar, ameaçando os fluxos de turismo para o Algarve”.

Para o presidente da RTA, os relatos e imagens dramáticas que têm sido divulgadas sobre a forma desumana como estão a ser tratados residentes e turistas, sobretudo as pessoas mais idosas que recorrem aos serviços de urgência dos hospitais do Algarve, “provocam apreensão nas pessoas, residentes e turistas”.

Desidério Silva sublinhou que a sua reivindicação junto do Governo é feita "não apenas pelo turismo do Algarve, mas principalmente, pelo direito fundamental, de algarvios e visitantes, a serviços de saúde humanos e eficientes e atentem particularmente nas necessidades dos mais carenciados e desprotegidos, que são os que mais sofrem”.

  • Publicado em Turismo
Ler mais ...

Algarve, um destino turístico de excelência todo o ano

 

Ação de Dinamização e Promoção Turística decorre a 26 de janeiro e a Câmara de Lagos vai, pelo sétimo ano consecutivo, organizar uma ação de dinamização e promoção turística, este ano centrada na apresentação de Lagos e do Algarve enquanto destinos turísticos de excelência todo o ano, numa ótica de sustentabilidade e da apresentação de produtos alternativos ao “Sol e Praia”.

A ação, que contará na sessão de abertura com a Presidente da Câmara Municipal de Lagos, Maria Joaquina Matos e o Presidente da Região de Turismo do Algarve, Desidério Silva, pretende de igual forma fomentar o convívio e a troca de conhecimentos e experiências entre profissionais da área do Turismo. A iniciativa integra um painel de oradores que virão apresentar e promover atividades que completam a tradicional oferta turística do município.

Recorde-se que o turismo é reconhecidamente um fator estratégico e nuclear do desenvolvimento da economia portuguesa, e em particular da região do Algarve. Nos últimos anos Portugal, e o Algarve, têm estado em alta batendo sucessivos recordes em termos de nº de visitantes, de dormidas e em retorno económico, mantendo o estatuto de destino de eleição dos portugueses e dos estrangeiros para passar um período de descanso em família ou entre amigos. Existe esta consciência da importância e crescimento do setor mas igualmente a preocupação de se garantir a sua sustentabilidade, situação que deve ser responsabilidade de todos, tendo em vista a valorização deste destino turístico, através uma gestão responsável dos recursos em defesa das gerações presentes e futuras.

Neste sentido, e estando a autarquia empenhada em responder aos desafios que o turismo enfrenta, e procurando refletir sobre as oportunidades e desafios estratégicos do setor, bem como potenciar a capacidade de atração do município enquanto destino turístico de excelência todo o ano e afirmar-se como uma marca de referência tanto em termos nacionais como internacionais, a Câmara tem vindo a realizar ações de dinamização e promoção turística, dirigidas (preferencialmente) a guias intérpretes, operadores turísticos, unidades hoteleiras e de restauração, empresas de animação turística e outros players do setor, com atuação na área do município.

Este ano, a iniciativa irá decorrer no próximo dia 26 de janeiro, a partir das 10h00, no Auditório dos Paços do Concelho Séc. XXI, estando previstas várias intervenções sobre alguns projetos ou propostas que complementam a tradicional oferta turística de Lagos e do Algarve.

 

  • Publicado em Turismo
Ler mais ...

“Corrida das 4 Estações” em Silves

A prova de Inverno da “Corrida das 4 Estações” de 2018 terá lugar no dia 20 de janeiro, com partida marcada para as 10h30, nas Piscinas Municipais de Silves.

Na corrida de Inverno realizar-se-ão uma prova de corrida de 10 km ou uma outra, de caminhada, com 5 km. Ambas serão abertas a toda a população.

As inscrições para a prova poderão ser realizadas no portal da autarquia (em http://www.cm-silves.pt/pt/destaques/3841/%E2%80%9Ccorrida-das-4-estacoes%E2%80%9D--novo-ciclo-comeca-com-prova-de-inverno-no-dia-20-de-janeiro.aspx) até ao dia 19 de janeiro.

Recomenda-se a todos os participantes que deverão estar munidos de equipamento e ténis confortáveis, água para hidratar durante a marcha.

Chamamos, ainda a atenção para a possibilidade de esta prova vir a sofrer uma alteração de data, em função das condições climatéricas.

Recordamos que esta ação é dinamizada pelo sector de Desporto da Câmara Municipal de Silves e Centro de Marcha e Corrida.

+ info: Sector de Desporto: telefone 282440270 | correio eletrónico Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Ler mais ...

Autódromo Internacional do Algarve presente numa das maiores feiras de automobilismo da Europa

O Autódromo Internacional do Algarve (AIA) marca presença, de 11 a 14 de Janeiro, pelo terceiro ano consecutivo em Birmingham, na Inglaterra, para promover o seu circuito, numa das maiores feiras de automobilismo - “Autosport International the Racing Car Show”.

O certame que se realiza na National Exibithion Center (NEC) é o maior evento europeu automobilístico indoor da pré-época e cobre todas as áreas deste desporto, tanto a nível profissional, como ao nível amador, do Karting à Fórmula 1. Este ano conta com mais de 600 expositores, que variam entre empresas de engenharia especializadas para fabricantes e grandes marcas do mundo automóvel.
Sendo já um marco para os amantes do automobilismo, a participação nesta feira enquadra-se numa estratégia de reforço do posicionamento do Autódromo Internacional do Algarve enquanto circuito de excelência. Reforçando a sua oferta no mercado desportivo e empresarial, promovendo igualmente o Algarve como um óptimo destino turístico.
Além da promoção do circuito algarvio, a presença neste certame vai servir também para divulgar os eventos que o Autódromo do Algarve vai receber em 2018, onde se destaca a realização do Campeonato Mundial de Superbike, de 14 a 16 de setembro, entre outras igualmente importantes, como as 24H Endurance Series (6 a 8 de julho), o Algarve Classic Festival (19 a 21 de outubro) e o European Le Mans Series (26 a 28 de outubro).

A exposição Autosport International está aberta não só aos profissionais, que contam com dois dias exclusivos para networking, mas também ao público em geral, que tem oportunidade de ver os carros mais espetaculares do momento em acção.

Ler mais ...

"Staring at the sea, staring at the ocean", de Pedro Noel da Luz Guerreiro (KameraEskura) de 20 de janeiro a 22 de Abril, Forte Ponta da Bandeira - Cais da Solaria - Lagos

Exposição de fotografia a cor, alusiva ao tema do mar e ao encanto, temor e respeito que ele exerce sobre as pessoas. O mar visto como elemento de encantamento, temor, alienação, encontro com os nossos pensamentos, entre outras emoções suscitadas. O artista faz a analogia entre o mar e a mente humana, como local onde nos perdemos, mas também onde nos podemos encontrar.

“"Staring at the sea, staring at the ocean" é uma serie de fotografias que eu comecei a fazer há mais de um ano, em várias praias do Algarve e em outros locais de Portugal.
Eu sempre achei interessante e observei várias vezes pessoas à beira-mar, sentadas na areia junto, outras nadando nele e outras apenas junto ao mar sentados num banco olhando para aquela imensidão de água, e eu pensava para mim mesmo "o que eles estarão pensando?", "O que estarão sentindo?" "O que se passa na mente e no espírito deles quando olham para ele?”.
Eu acho que o mar tem algo hipnótico que transmite calma, mas às vezes alguma preocupação e ansiedade e em situações mais extremas o mar torna-se violento com grandes tempestades. Talvez haja uma ligação entre o mar e a natureza humana. A mente humana é como um oceano enorme por onde navegamos pelos nossos pensamentos. Às vezes perdemo-nos neles. Outras vezes somos salvos deles...
Todos nós temos o nosso próprio oceano para navegar e chegarmos a um bom porto”.

Este trabalho foi nomeado na categoria de "People" Profissional na 3ª edição do "Fine Art Photography Awards" (FAPA) 2017.”

 

  • Publicado em Lagos
Ler mais ...

Município de São Brás de Alportel lança fatura de água detalhada e eletrónica

 O Município de São Brás de Alportel iniciou um novo modelo de faturação do abastecimento de água, com informação detalhada e com possibilidade de adesão à fatura eletrónica.

As faturas detalhadas visam dar aos consumidores uma informação pormenorizada sobre as diversas componentes do abastecimento e dos diversos custos associados que integram o custo mensal final como, por exemplo, as tarifas fixas, a distribuição nos escalões de água em função dos dias da fatura e também um conjunto de informações diversas sobre recolha de monos, campanhas de desinfestação, entre outros serviços prestados pelo município na área do ambiente.

O novo modelo de fatura permite ainda ao consumidor perceber mais facilmente se existem pagamentos em falta relativamente a este serviço.

Maior comodidade, maior rapidez, proteção do ambiente com o menor consumo de papel e maior facilidade de arquivamento da faturação da água são as vantagens que se somam com a adesão à fatura eletrónica. Para o efeito, o munícipe deve dirigir-se ao balcão da Secção de Águas e Saneamento da Câmara Municipal de São Brás de Alportel ou contactar os serviços manifestando a vontade de aderir a este sistema eletrónico de faturação através do endereço eletrónico: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Este novo método de comunicação com os consumidores, através de faturação detalhada sobre os serviços públicos de abastecimento público de água, de saneamento de águas residuais e de gestão de resíduos urbanos, foi implementado em conformidade com o Decreto-Lei n. 114/2014 de 21 de julho.

  

Ler mais ...

Dieta Mediterrânica como Património Cultural e Imaterial da Humanidade da UNESCO, marca presença na FITUR – Feira Internacional de Turismo, entre 17

Tavira, enquanto comunidade portuguesa representativa da Dieta Mediterrânica como Património Cultural e Imaterial da Humanidade da UNESCO, marca presença na FITUR – Feira Internacional de Turismo, entre 17 e 21 de janeiro, em Madrid. O convite foi endereçado pela Região de Turismo do Algarve que irá dinamizar o espaço dedicado à região.

A participação de Tavira visa, sobretudo, dar a conhecer o estilo de vida mediterrânico, nomeadamente, através da apresentação de produtos locais e de momentos de degustação inseridos no programa “Prove Portugal”:

- Dia 17, 13h00 – 13h30

Tiborna com azeite local e ervas aromáticas, azeitonas, pão e vinho

- Dias 18 e 19, 13h00 – 13h30

Degustação de licores locais e prova de doces e figos

A FITUR é considerada, a nível mundial, uma das mais importantes feiras da indústria turística. No ano passado, 165 países estiveram representados neste certame, o qual contou com a visita de 245 mil pessoas, entre profissionais e não profissionais, o que significou um acréscimo de 6% em relação à anterior edição.

De acordo com a organização, prevê-se que a FITUR 2018 funcione como “um espaço de negócio capacitado das melhores ferramentas promocionais, tanto para profissionais como para visitantes em geral de forma a incrementar o setor turístico e outras atividades económicas a ele associadas”. 

  • Publicado em Tavira
Ler mais ...
Assinar este feed RSS
×

Sign up to keep in touch!

Be the first to hear about special offers and exclusive deals from TechNews and our partners.

Check out our Privacy Policy & Terms of use
You can unsubscribe from email list at any time