Dia: 20 de Ago
Algarvemais

Algarvemais

URL do Sítio:

“Os meus amigos de esquerda estão todos contra o Pardal”

 

Claro que os substitutos dos motoristas, que são pagos pelo erário público, e que duvido que venha o Estado a ser recrescido, e vão ser pagos pelos nossos impostos, como se trata de um governo de esquerda, é um prejuízo de interesse nacional.

É caso para dizer, "todos os pássaros comem trigo, mas o Pardal é que pagar"

Todos os pássaros. “Ninguém está preocupado com o excesso de autoridade”. A malta, mesmo de esquerda adora autoridade. Desde que seja uma autoridade de esquerda. 

A esquerda adora o sofá, regalias, direitos, etc… Desde que os deixem estar no sofá, e para isso é preciso que haja autoridade, e a autoridade seja de esquerda.

Se for de direita é fascista, e mesmo que seja tão imposta como a outra, e seja exactamente igual à outra ou pior, é de direita e pronto. 

Os meus amigos de esquerda não se importam de ver as forças de segurança a conduzir camiões de empresas privadas.

As empresas do Capital, algumas em que o irmão de um secretário de Estado tem uma participação.

Não há problema, porque o Secretário de Estado é de Esquerda e o irmão também.

Os meus amigos de esquerda, também não se importam com a falta de investimento nos serviços públicos, é uma austeridade de esquerda, e uma austeridade de esquerda não é a mesma coisa que uma austeridade de direita. É uma austeridade de esquerda e prontos. 

Claro que os substitutos dos motoristas, que são pagos pelo erário público, e que duvido que venha o Estado a ser recrescido, e vão ser pagos pelos nossos impostos, como se trata de um governo de esquerda, é um prejuízo de interesse nacional.

Se fosse um governo de direita a fazer o mesmo, era fascismo e podia mesmo configurar com delapidação do erário público. 
Mas uma coisa é certa. A restrição de combustíveis, via greve teve uma grande vantagem. Não há incêndios, falta combustível para atear fogos. Ou então e agora, mais numa de teoria da conspiração de férias, o governo decretou a requisição civil dos incendiários, uma vez que precisa se especialistas em matérias perigosas.
Que povo extraordinário que temos, que pouco pensa, mas muito acompanha. Balir vai ser o idioma adoptado para a próxima legislatura. 
Digo eu, claro.

Fernando Santos "By Fanan"

 

Feira Medieval de Silves, de 9 a 18 de agosto 2019


A XVI Feira Medieval de Silves dia 18 de agosto de 2019

Esta edição tem como tema “Xilb e os Vikings” e conta a relação que Silves teve com os Vikings, que ameaçaram o Gharb no século IX, e, por isso, saiu de Silves (Xilb) uma embaixada liderada por um astuto diplomata e poeta, chamado Yahya b. Ḥakam al-Bakrī, melhor conhecido por Al-Gazalī (A Gazela), que ao serviço de Abd al-Rahman II se dirigiu ao norte da Europa, ao encontro dos Vikings, para negociar a paz, que acabou por durar aproximadamente um século.

A Feira mantém as características e as atividades principais dos anos anteriores, como a animação exclusiva no Castelo, manjares medievais, experiências memoráveis que levarão os visitantes a outras épocas, mas também conta com várias novidades.

As crianças também têm o seu espaço especial, o Xilb dos Pequeno onde poderão usufruir de diversas atividades educativas e lúdicas. Este espaço funciona diariamente na Praça Al-Mu’tamid. Como habitualmente, a Câmara Municipal disponibiliza trajes medievais a quem os quiser alugar, por um preço simbólico.

Entre as 18h00 e a 01h00 os visitantes terão oportunidade de viver aventuras únicas: duas sessões por dia dos jogos de guerra entre Muçulmanos e Vikings, animação exclusiva no Castelo, manjares medievais, experiências memoráveis, como a recriação de diversos rituais Vikings (ritual de casamento, sacrifício humano aos deuses, ritual da águia de sangue e ritual fúnebre) que os farão regressar a outras épocas e perceber o que a cidade terá sido outrora.

Haverá, como habitualmente, um ESPETÁCULO NO CASTELO DE SILVES, pelas 22h30, com muita animação, dança e música, atraindo os visitantes para o espaço mais emblemático da cidade. Mais uma vez a história será aqui parte importante, dando-se a conhecer aspetos curiosos das vivências de tempos passados.

Intitulado “A VIAGEM” este espetáculo relata a seguinte história: «Corre o ano de 844 e a ameaça de guerra paira no ar. Os Majus (Vikings) atacam as costas do Gharb al-Andalus pilhando, saqueando e espalhando o terror e o caos. Urge que a Paz seja negociada. O emir Abd Al-Rahman II, sedeado na florescente cidade de Córdova de onde o poder emana, envia Al-Gahzali, poeta e hábil diplomata, que acompanhado da sua comitiva e de generosas ofertas, parte do porto da bela cidade de Xilb em embarcação nos seus arsenais construído, para dar resposta a tão importante demanda.

Içam-se as velas quadradas dos barcos e, com o vento de feição, rasgam-se as águas límpidas e calmas do Arade para rapidamente se passar o promontorium e se alcançar o agitado mar em direção a terras normandas.

Que peripécias nos esperam nesta longa missão? Momentos de sonho no palácio da encantadora rainha Nud ou engenhosas acções diplomáticas nos salões do seu estimado esposo? Serão a sabedoria, subtileza e coragem de Al-Gahzali suficientes para trazer a paz e a serenidade às terras do Gharb?».

JOGOS DE GUERRA ENTRE MUÇULMANOS E VIKINGS é outra das experiências que a Feira oferece. Com duas sessões diárias (pelas 20h00, 1.ª sessão, e pelas 22h30, 2.ª sessão), numa liça construída de forma a fazer jus à época, contar-se-á a seguinte história: «Estamos no ano de 844 e, no al-Andalus, vivem-se tempos conturbados. Os Vikings assolam a nossa costa. Pilham, roubam, queimam as terras costeiras e aprisionam os seus habitantes. Altos como palmeiras, louros e dotados de um impressionante porte físico são conhecidos pela sua agressividade e violência e semeiam o terror entre homens, mulheres e crianças.

Numa tentativa de terminar com os incessantes ataques vikings, o Emir de Córdova Abd al-Rahmam II envia o célebre poeta e diplomata al-Gahzali às cortes normandas e, após largo tempo de negociações, a paz é alcançada.

O poeta regressa a Silves de onde há dois meses havia partido e, com ele, chega a paz e a serenidade. É tempo de celebrar!

No espírito dos festejos o vizir da cidade de Silves ordena que se façam uns jogos entre os dois povos. De um lado os Majus (assim por nós apelidados os altos e louros Vikings), do outro os filhos de Alá.

Entusiasmado com o desafio o rei normando manda os seus melhores guerreiros assim como um baú com 100 moedas de ouro para o vencedor dos jogos. O vizir de XILB, não querendo ficar atrás, escolhe também os seus melhores homens e cavaleiros e iguala a oferta com outras tantas moedas de ouro.

Os preparativos estão terminados e o povo aguarda com grande ansiedade e regozijo a realização dos jogos…»

Outra experiência que se pode viver nesta Feira Medieval é a passagem pelo ACAMPAMENTO VIKING – PRAÇA AL-MUT’AMID. Ali procurar-se-á dar a conhecer o ambiente de uma aldeia viking, onde estarão: Tendas Vikings (estruturas em madeira e cobertas a colmo e a pano), um barco e uma carroça Viking e uma Pira funerária. Neste cenário retratar-se-ão as vivências (em funcionamento contínuo) de um Ferreiro, de um Tecelão, de um Carpinteiro, de um Curtidor de peles e de um Construtor de redes e recriar-se-ão (diariamente) o Ritual de casamento, os Sacrifícios aos deuses, o Ritual da águia de sangue e o Ritual fúnebre.

Para além de todas estas ofertas, os visitantes que queiram fazer uma “viagem no tempo” e viver um serão como personagens da história e da Feira podem participar no programa EXPERIÊNCIAS MEDIEVAIS.

O visitante poderá participar nesta recriação histórica, vivendo o dia-a-dia de um personagem nobre da época áurea da antiga capital do Reino do Algarve e experimentando toda a emoção e nobreza deste festejo de uma forma privilegiada, já que será acolhido numa zona especial, trajar-se-á e será acompanhado ao longo de toda a visita, tendo um lugar de honra no torneio e uma degustação de manjares medievais. Poderá participar nas recriações desenvolvidas para mostrar a vida dos Vikings: ritual de casamento, sacrifício humano aos deuses, ritual da águia de sangue e ritual fúnebre. Também assistirá ao espetáculo no castelo num lugar previamente marcado e com excelente visibilidade, de modo a desfrutar de todo o encanto e magia da Feira Medieval de Silves (para marcações e informações: tEste endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.).

As crianças também têm o seu espaço especial, o XILB DOS PEQUENOS, onde, com as suas famílias, poderão usufruir de diversas atividades educativas e lúdicas, nomeadamente de expressão plástica, expressão dramática e de atividade física contextualizadas e integradas historicamente no período da Feira Medieval. O Xilb dos Pequenos funcionará diariamente entre as 18h00 e as 24h00, de 11 a 20 de agosto, na Praça Al-Mu’tamid

Outra forma de poder viver a Feira Medieval de Silves de maneira única é usando TRAJES MEDEVAIS. Dois roupeiros disponibilizam, a quem o desejar, fatos de homem, mulher e criança, que são alugados por um valor simbólico.

Outra forma de viver com muita alegria e bom espírito este evento é experimentando a muita OFERTA GASTRONÓMICA que existe nas diversas praças de alimentação. Sentar numa taberna e degustar um bom petisco, permite que grandes grupos de amigos e família passem serões memoráveis e possam conhecer um pouco daquilo que se poderia comer e beber na idade média.

Vir à Feira Medieval de Silves e conhecer os principais MONUMENTOS DA CIDADE é mais uma aposta na criação de momentos a recordar. O Castelo de Silves, Monumento Nacional desde 1910, é também o mais emblemático monumento da cidade. Assente no topo da colina, esta fortificação de imponentes muralhas de taipa, revestidas a arenito vermelho, o Grés de Silves terá sido um espaço defensivo, residência de governadores, dos seus contingentes militares e de funcionários da administração e poderá ser fruído por todos os que entrarem na Feira Medieval de Silves.

Do mesmo modo, o Museu Municipal de Arqueologia estará aberto. Inaugurado em 1990, este espaço foi construído em torno do Poço-Cisterna Almóada, com 18 metros de profundidade e classificado como Monumento Nacional. Os visitantes podem encontrar um vasto espólio de peças arqueológicas, com as coleções organizadas cronologicamente desde a pré-história até ao período moderno.

A Igreja da Misericórdia também estará aberta ao público, no seu interior, poderá observar no painel central do retábulo do altar-mor a imagem da visitação, rodeada das sete obras da misericórdia.

Fotos: Luís Medeira, Nuno Lourenço e Câmara Munucial de Selves

No texto de apresentação da responsabilidade da Câmara Municipal de Silves

Galeria dos fotos

“Passear pela História da Zona Ribeirinha de Portimão”

 

Exposição na Praça Manuel Teixeira Gomes propõe um agradável passeio pela história a Zona Ribeirinha de Portimão - 10 de agosto a 29 de setembro. No dia 10 de agosto, pelas 19h00, inaugura na Praça Manuel Teixeira Gomes, a Exposição “Passear pela História da Zona Ribeirinha de Portimão”, organizada pelo “GAMP-Grupo de Amigos do Museu de Portimão”, em estreita colaboração com a Junta de Freguesia de Portimão, o Museu e o Município de Portimão. A exposição estará patente até ao dia 29 de setembro.

  • Potenciador de diversos encontros civilizacionais, económicos e culturais, este lugar de “partidas e chegadas”, localizado na margem direita do Arade, foi sendo desenhado e transformado na sua forma urbana atual, através do recurso a terras conquistadas ao rio.
  • Desde sempre e ao longo do tempo, se revelou uma zona portuária de forte intercâmbio comercial, marítimo e industrial, especialmente direcionada para a realidade piscatória, com especial destaque para a descarga do peixe, um dos momento mais aguardados e intensamente vividos no antigo cais, antes da mudança final dessa atividade para as novas instalações na margem esquerda do rio, em 1987.

Esta é já terceira edição de um projeto de exposições de rua, iniciado pelo Grupo de Amigos do Museu de Portimão em 2017, onde, através de painéis metálicos e fotografias de grandes dimensões, a população residente, demais visitantes e turistas, são surpreendidos e confrontados com um inesperado mas agradável momento de encontro, com imagens que marcaram a evolução histórica e social de Portimão e, neste caso, com esta dinâmica área localizada à beira-rio.

Passear pela História” é uma proposta de exposições que pretende igualmente fortalecer a identidade da comunidade, valorizar a cidade e o Município, enquanto destino cultural e de lazer, proporcionando de forma informal, uma descontraída viagem no tempo, entre memórias e as vivências sociais resultantes de uma geografia atlântica e fluvial, que sempre caracterizou historicamente este Município.

Projeto da Rádio Cidade F.M. na Carvoeiro Beach Party 2019

A Carvoeiro Beach Party estará de regresso à Praia do Carvoeiro, no dia 24 de Agosto, entre as 20h00 e as 03h00, e contará com a presença do projeto oficial, Cromos da Noite, da rádio Cidade F.M.

Os Cromos da Noite é um projeto que junta um DJ e um MC e conta com muita animação durante a noite toda! Apresentam um grande espetáculo musical nos géneros que realmente desejas ouvir (Funk, Afro, House), juntamente com aqueles clássicos que cresceram contigo! (90's e 2000's)

Eles vão te fazer mexer, saltar, cantar, vibrar e sobretudo recordar. Com o apoio da CIDADE FM, será uma noite de cromos que ficará gravada na tua memoria!

Para além deste projeto, a Carvoeiro Beach Party 2019 contará com um grande regresso e com um Dj do Top3 nacional, segundo o portal 100% Deejay, que detém a maior votação de música electrónica portuguesa. Em breve anunciaremos quem são estes dois Dj´s.

A Carvoeiro Beach Party é um evento integrado nas Festas em Honra da N.S. da Encarnação, organizado pela União das Freguesias de Lagoa e Carvoeiro, com a colaboração da Câmara Municipal de Lagoa e com o apoio do comercio local.

Entrada grátis

Assinar este feed RSS
×

Sign up to keep in touch!

Be the first to hear about special offers and exclusive deals from TechNews and our partners.

Check out our Privacy Policy & Terms of use
You can unsubscribe from email list at any time